AI-5 ESTUDANTIL: GOVERNO DO PARÁ PROÍBE A FORMAÇÃO DE GRÊMIOS

O governo Tucano do estado do Pará, Simão Jatene está perseguindo o Movimento Estudantil. Diretores de escolas estão recebendo ordens da Secretaria Estadual de Educação (Seduc) para proibir a construção de Grêmios Livres em ação que viola leis previstas na Nº 7.398, de novembro de 1985, uma das principais bandeiras da UBES

Nos tempos sombrios da ditadura militar o movimento estudantil foi proibido de se organizar, e hoje depois de 25 anos após derrotar os militares, os estudantes paraenses se deparam com esse ato autoritário do governador Simão Jatene. O fato ocorreu na escola Avertano Rocha em Icoaraci, a vice-presidente da UBES, Laura Eli foi informada pela vice-diretora que não poderia organizar nenhum tipo de atividade estudantil na escola e muito menos organizar o grêmio. Segundo afirmação da vice-diretora da escola, a ordem partiu da própria Seduc.

Segundo informações da UBES, a entidade acionará o Ministério do Planejamento e o Conselho Estadual de Educação para contestar o direito que é garantido por lei às entidades estudantis.

NÃO NASCEMOS PARA O SILÊNCIO: A formação de grêmios nas escolas é uma das bandeiras históricas da UBES, que depois de ser posta na ilegalidade durante a ditadura militar, alcançou um importante passo para a reestruturação do movimento estudantil. Confira abaixo as leis que asseguram o direito das organizações dos grêmios e una-se à UBES, que não permitirá nenhum tipo de censura a liberdade da juventude brasileira:

“Art. 53. A criança e o adolescente têm direito à educação, visando ao pleno desenvolvimento de sua pessoa, preparo para o exercício da cidadania e qualificação para o trabalho, assegurando-se-lhes:

I – igualdade de condições para o acesso e permanência na escola;
II – direito de ser respeitado por seus educadores;
III – direito de contestar critérios avaliativos, podendo recorrer às instâncias escolares superiores;
IV – direito de organização e participação em entidades estudantis;
V – acesso à escola pública e gratuita próxima de sua residência.

Parágrafo único. É direito dos pais ou responsáveis ter ciência do processo pedagógico, bem como participar da definição das propostas educacionais.” ECA

A Lei Nº 7.398, de novembro de 1985

Dispõe sobre a organização de entidades estudantis de 1º e 2º graus e assegura aos estudantes o direito de se organizar em Grêmios:

PRESIDENTE DA REPÚBLICA

Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei:

Art. 1º – Aos estudantes dos estabelecimentos de ensino de 1º e 2º graus fica assegurada a organização de Grêmios Estudantis como entidades autônomas representativas dos interesses dos estudantes secundaristas, com finalidades educacionais, culturais, cívicas, desportivas e sociais.
§ 1º – (Vetado.)
§ 2º – A organização, o funcionamento e as atividades dos Grêmios serão estabelecidas nos seus Estatutos, aprovados em Assembléia Geral do corpo discente de cada estabelecimento de ensino, convocada para este fim.
§ 3º – A aprovação dos Estatutos e a escolha dos dirigentes e dos representantes do Grêmio Estudantil serão realizadas pelo voto direto e secreto de cada estudante, observando-se, no que couber, as normas da legislação eleitoral.

Art. 2º – Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 3º – Revogam-se as disposições em contrário.

Brasília, em 4 de novembro de 1985.
164º da Independência e 97º da República.

Lei Complementar Nº 444, de 27 de dezembro de 1985

Esta lei dispõe sobre o Estatuto do Magistério Paulista. Em seu artigo 95º, ela fala sobre o Conselho de Escola (sua composição, atuação, atribuições): § 1º – A composição a que se refere o “caput” obedecerá à seguinte proporcionalidade: I – 40% de docentes; II – 5% de especialistas em educação, excetuando-se o Diretor de Escola; III – 5% dos demais funcionários; IV – 25% dos pais de alunos; V – 25% de alunos.

Lei Nº 8.069, de 13 de julho de 1990

O Estatuto da Criança e do Adolescente, no artigo 53º inciso IV, garante o direito dos estudantes de se organizar e participar de entidades estudantis.

Lei Nº 7.844, de 13 de maio de 1992

Esta é a lei que regulamenta o direito à meia entrada para estudantes em eventos de ordem cultural.

Lei Nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996

Esta lei estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. A partir dela, estão garantidas a criação de pelo menos duas instituições, a Associação de Pais e Mestres e o Grêmio Estudantil, cabendo à Direção da Escola criar condições para que os alunos se organizem no Grêmio Estudantil. A lei determina ainda a participação de alunos no Conselho de Classe e Série.

Do Vermelho, com Redação

Sobre gremiows

Grêmio estudantil Wellington da Silva, Nome escolhido para grêmio desde sua fundação, é uma homenagem feita para o estudante Wellington da Silva que foi assassinado em um protesto !

Publicado em 03/03/2012, em Noticias e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

1. Seja educado. Por respeito aos outros usuários use uma linguagem de fácil entendimento. Evite também usar palavras de baixo calão. Se você disser algo do tipo, ser desnecessariamente rude, inconveniente e inapropriado, seu comentário será apagado mesmo. 2. Limite-se ao assunto do post. O formulário de envio de comentários deve ser usado para o envio de comentários que de alguma forma se relacionam ao conteúdo do post o qual você está comentando, e não para recados pessoais ao site ou outra pessoa, empresa ou entidade. Se você quer dizer algo para a equipe do site, nos envie um e-mail para gremio.ws@gmail.com Também nos reservamos o direito de remover deliberadamente comentários que não sigam essa regra. Se você tem mais alguma dúvida, sugiro que visite o nossa seção Quem Somos e tente resolver ela lá, comentários com algum tipo de dúvida não serão publicados e correm o risco de não serem respondidos. 3. Comentários apenas com e-mails válidos. Em hipótese alguma ele será divulgado ou usado para envio de mensagens não desejadas, respeitando sua privacidade. 4. Use o bom e velho português. Comentários que forem carregados de vc, xau, ti adolu, e outras variações de internetês podem não ser publicados ou correm o risco de serem re- escritos, podendo assim mudar o formato do comentário original. Se você deseja ver o que realmente escreveu, não use internetês, use o português! 5. Muito cuidado com o que diz. É oportuno lembrar que esse espaço é destinado a comentários, críticas e opiniões construtivas para o Grêmio estudantil W.S . Todos os comentários que estejam fora dessa regra serão deletados. Os acessos são devidamente monitorados e qualquer usuário que fizer ofensas ou acusações sem provas estará sujeito a penas previstas em Lei. Se você concorda com todas as regras bom comentário !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: